Restauração de Formações Florestais

O INNATUS desenvolve projetos de recuperação de áreas degradadas em diversos ambientes e condições

As áreas degradadas são identificadas como aquelas que naturalmente não se renovam, retornando ao longo do tempo as condições semelhantes a de seu ecossistema, antes do dano ambiental.  São áreas que exigem a intervenção humana para a recuperação da paisagem.

Atualmente as técnicas de recuperação vertem para a restauração a partir da interpretação das paisagens das regiões de entorno.  Não se trata de reflorestamentos, como descritos outrora, mas de técnicas que se baseiam na diversidade, na geomorfologia, na geologia e na flora e fauna.  Desta forma as plantas escolhidas para uma área alagada seriam aquelas que na natureza ocupam este nicho.

Da mesma forma, para os mais diversos ambientes, considerando-se as suas características e exigibilidades, como  áreas de cobertura de marés, talvegues e taludes, áreas úmidas e marginais e ressequidas. 

Associe-se a importância da eliminação das espécies invasoras e oportunistas, que minimizam as chances da recuperação natural da floresta.

Nas restaurações paisagísticas que tem a biodiversidade como parâmetro a ser preservado e recuperado, busca-se o aproveitamento de matrizes localizadas em terrenos com condições semelhantes aquelas do terreno objeto da restauração.

Assim serão produzidas mudas geneticamente adaptadas ás condições naturais da área restaurada.

Aspectos relacionados ao enriquecimento florestal com a introdução de espécies alimentícias para a fauna, facilitam a sua disseminação e o desenvolvimento da mata.

 

O INNATUS atualmente desenvolve projeto de recuperação de área degradada de 5 hectares de manguezal, no Rio Guaraí Mirim - Bacia da Baía de Guanabara.

 Trata-se de uma restauração do manguezal onde se utilizou a técnica de roçado seletivo e transplantio em terreno com forte influencia do ciclo das marés.

 

O trabalho realizado com recursos da BR DISTRIBUIDORA, e se encontra na fase de monitoramento do desenvolvimento da formação plantada.